Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2021

A fotografia

Imagem
“A fotografia”, crónica para ler no Correio do Porto .   O calor começa a surgir como se estivesse na sua hora de recreio, o Inverno dentro das paredes cinzentas onde as portas de madeira se encolhem encimadas pelos números alfabéticos que identificam as salas onde, pacientes, professores professam o futuro. O final do ano lectivo parecia moldar o emaranhado quântico adivinhando a ligação que, com pena minha, nunca se verificou. Longe de saber que cada qual seguiria o seu caminho, mantive-me percorrendo os anos em torno de mim, experimentando, soltando, prendendo, ganhando, perdendo, ensinando, aprendendo, olhando para o lado sobre as montanhas como quem mira sobre o ombro e os vê ali, os amigos, na sua própria órbita, separados por um intervalo grande a caminho do bufete ou do campo de desporto, a trautear uma música da adolescência, a olhar timidamente numa fugaz paixoneta típica da juventude. Aproximava-se o término de um ciclo, a aula de Matemática termina num intervalo de números

Semeadura

"Semeadura", crónica no Canal N . O sonho de um lugar novo para o lar tinha nascido ao mesmo tempo em que as mãos descobriram o afago da redonda redoma do útero maternal, em conversas crepusculares quando nascem e se põe as ideias conjugais, à cabeceira de uma cama em casa emprestada, entre paredes idosas de pedra e corações juvenis de ouro. No final do dia, quando o cansaço de uma jorna ainda não despertara, os braços bronzeados misturavam areia, cimento e água, vertida depois na cofragem de madeira, dia após dia, para que no fim-de-semana outros braços, familiares e amigos, surgissem para o matutino auxílio tão típico quanto o orvalho suado pelas noites frias e, tijolo a tijolo, sangue a sangue, suor a suor, ganhasse forma a habitação.  A cozinha exterior foi a primeira edificação, um pequeno assentar de um arraial num terreno ganho à tenacidade das oliveiras. Ali surgiram as primeiras noites da construção, o fogão a lenha debitando o calor com que o amor temperava o rancho