2012-07-22

Oh Leónidas,
de curtos ferros austeros
se soltam as noites inglórias
entre vanglórias
e tristezas
alma das hortências
alfazemas
que a noite tombou sem nome
quando soube que de quatro vezes se soltam
três nãos um sim.
Há noite num luar,
sozinha,
a chorar.

Sem comentários: