2010-04-25

Chega a doer ter as palavras escritas em mim e não as ter no vocabulário, estar do lado de lá enquanto me espreito do lado de cá. Escrever o que não ser, é falar ao ouvido do silêncio.
Estou mudo.

1 comentário:

Juℓi Ribeiro disse...

Miguel:

Lindo!

Existem sentimentos que não encontramos palavras para expressar
nossas emoções e silêncios que falam mais que mil palavras...
Fica bem.
-Juli-