2010-08-02

Coisas

É apenas um bocadinho de nevoeiro, no entanto, para mim, este húmido algodão doce, traz no encalço um pilar num horizonte onde estendo a minha cama de rede... A outra ponta está já presa, algures, no infinito.

Embora a ausência seja notada, a verdade é que todos somos mais e melhores depois de nos cruzarmos uns com os outros, depois de bebermos do outro o que a vida por ele/a nos oferece... Ninguém é de ninguém e ninguém se separa... Somos todos um

Sem comentários: