2008-05-22

Sonhos e o caminho para os mesmos


Fica tão fácil ser feliz quando os nossos sonhos são pequenos. E o que dizer daqueles sonhos que se realizam, sem sabermos que eram sonhos?
Não sei o que me fascina no olhar das pessoas, mas escrevo-o, vejo-o, vivo-o e vou acumulando as pequenas centelhas de sonhos e concretizações suspensas, na esperança de lhes dar vida numa ou noutra história.
Não consigo estar estando, só sou presença quando estou ausente, como os sonhos grandes.
Esqueci-me de postar a imagem de um aluno da EB1 Soutelo - Mouriz, que captou aquilo que eu quis transmitir com o conto "Um sonho li(n)do", aqui fica a "homenagem".

6 comentários:

guiga disse...

Bom fim-de-semana! *.*

Zé Povinho disse...

Se há vontade de escrever, escreva-se, pois então. As histórias, ou os sonhos, tudo serve, basta a inspiração e o tempo, porque a vontade, essa já vi que há.
Abraço do Zé

Eli disse...

Fui ler aquelas palavras de sonho e só parei no fim!

:)

C Valente disse...

Saudações amigas

Vieira Calado disse...

Os sonhos pequenos são mais fáceis.
Mas os grandes têm sonhos grandes...
Um abraço

MoonLight disse...

Amigo,
este coração é LINDO!
E leva até à nuvem dos sonhos!
É por isso que gosto de estar com os miúdos!
Bjs de Luz*