2005-10-26

O puto do Pai Natal...

Reparei nele ainda não tinha estacionado o carro...
O parque de estacionamento estava quase vazio, coisa normal para um dia de semana, início de tarde e perto do final do mês... Uma carrinha recolhia o dinheiro da caixa multibanco e foi quando o vi, a saltar de um lado para o outro.
Tinha cabelo louro, idade a aparentar 12 anos, nariz ranhoso, cara suja, uma camisola azul clara que lhe realçava os olhos igualmente azuis, calças de ganga cor "azul muito gasto e badalhoco".. A minha reacção, à medida que ia buscar o carrinho de compras, foi de alheamento, "se fizer de conta que não estou aqui" (com o meu 1,90 mt é fácil) ele não me pede moeda. Mas ele, com aquele olhar traquina, soube de antemão que de mim não levava nada e nem me abordou... Entrei no Lidl e andei por lá às compras (como é possível ser tão barato... hum... a qualidade dos produtos não deve ser a mesma de outros locais...), não resiste e parei na secção dos chocolates, recolhendo um... Na caixa vi que uma senhora lhe tinha dado a moeda do carrinho de compras. Paguei e saí do Lidl no exacto momento em que o puto entrava...
Coloquei as poucas compras na mala do carro e quando fui levar o carrinho de compras ao local, lá estava o puto, sentado no chão, agarrado a um Pai Natal de chocolate, com as duas mãos, a mordiscar levemente a cabeça, com os olhos fechados, saboreando cada bocadinho do seu Pai Natal... Ele estava ali, de olhos fechados, enquanto eu tirava a moeda do carrinho de compras... Tirei a moeda devagar e fiz questão de fazer algum barulho, "se ele olhar para mim dou-lhe a moeda"... Mas naquele momento, tive a certeza de o ouvir pensar, enquanto mordia mais um pouco do Pai Natal, "se fizer de conta que não estou aqui ele não me dá a estúpida da moeda"...
Pois, 3500 escolas que vão fechar... Progresso tecnológico... Défice orçamental... Educação... Dentro desta sociedade há muitos outras sociedadezinhas...

Sem comentários: